Minhas opiniões e publicações, expostas neste espaço, são reflexões acadêmicas de um cidadão-eleitor, publicadas ao abrigo do direito constitucional da liberdade de expressão

"Por favor, leia devagar." (Ferreira Gullar)

12 janeiro, 2006

Cova rasa


"O líder do PFL na Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (RJ), entrou nesta quinta-feira (12/01) com representação no TCU (Tribunal de Contas da União) contra o uso de recursos do governo federal nas obras de recuperação que estão sendo feitas em vários trechos de rodovias em todo o país". Leia Mais

Com toda pompa de obra eleitoral, estando presente inclusive em uma das “inaugurações” o próprio ministro dos transportes, além de outras personalidades como o deputado Sandro Mabel, “aquele” mesmo que acabou de escapar da cassação, o (des)governo do operário-meu-patrão está tapando buracos deixados por governos passados e os seus próprios, que sozinhos comemoram três anos de abandono e descaso, largados pelas estradas do país e que já resultaram em incalculáveis prejuízos materiais e vítimas fatais.

Eu mesmo tive a um mês uma roda de motocicleta empenada numa cratera digna de exploração pela NASA, que a propósito treina um “cosmonauta” brasileiro em suas instalações. Vale até a sugestão para primeira missão do “nosso” explorador, pesquisar a profundidade e largura da fenda que quase me engoliu.

A maneira “urgente” com que se abriu o crédito extraordinário e as “flexibilizações” da lei de licitação diante dessa “emergência” é temerária e deixa no ar dúvidas quanto a lisura da aplicação dos recursos.

Pra terminar uma reflexão, aqueles que achavam que o governo estava indo para o fundo do poço, erraram, vai terminar mesmo é de se afundar agonizante num buraco raso de rodovia federal.

9 comentários:

Santa disse...

Ozéas, a foto é impressionante! Que rombo! A estratégia eleitoreira pior ainda. Maior do que isso só o que aprontaram nas nossas vidas> Hoje fiz um balanço no orçamento doméstico e caí da cadeira.Fiquei com mais revolta ainda, vou descontar no blog (rsss).

Bjs

Nat disse...

Ozéas,

Quase tive um ataque de nervos quando li a seguinte frase do Ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento ao inaugurar em Goiás a operação Tapa-Buraco: "Essa é a maior operação de PREVENÇÃO que se faz na história do Ministério". Não há limites para o nariz de Pinóquio desse pessoal.

Grande abraço!

Serjão disse...

Não busque competência Gerencial neste governo, Ozeas. Nõa me surpreende.

Vera disse...

Ozéas: pagamos tantos impostos e é isso que temos, permita-me (só merda!)...Estou deprê! Bjs

Ricardo Rayol disse...

Grande verdade. Nada como um esquemão desses para financiar uma campanha

De olho! disse...

Lembrado pela NAT: hoje é sexta-feira 13!!!!

Saramar disse...

Ozéas, boa tarde
Elles foram muito, muito espertos nessa questão das estradas. Se o deputado conseguir impedir a atuação das empreiteiras corruptas, o trabalho de recuperação pára ou fica mais lento e a população vai culpar a oposição e ficar com pena do pobrezinho do presidente que quer trabalhar e não deixam.
Não é uma beleza essa jogada?

Beijos

luma disse...

Tapar os buracos é dinheiro jogado fora! Sabemos que quando chove os buracos aparecem novamente. Melhor seria refazê-las todas.
Nesse ano quero ver quem vai querer aparecer mais que o outro!
Bom fim de semana! Beijus

Marcos Vasconcelos disse...

São espertos esses petralhas. Michou o propinoduto da publicidade voltaram às velhas tetas das empreiteiras. Mas o buraco ainda é mais embaixo do que Lula pensa. Espero que caia na cova que ele mesmo cavou.